2015

a palavra eleita é

refugiado

O incremento de conflitos armados e a rápida desestruturação social nos países do Médio Oriente, particularmente na Síria, originou uma fuga massiva de pessoas que, em busca de um futuro melhor na Europa, arriscam a vida em processos migratórios perigosos, que muitas vezes têm um final trágico.

Sobre a iniciativa

A PALAVRA DO ANO® é uma iniciativa da Porto Editora que tem como principal objetivo sublinhar a riqueza lexical e o dinamismo criativo da língua portuguesa, património vivo e precioso de todos os que nela se expressam, acentuando, assim, a importância das palavras e dos seus significados na produção individual e social dos sentidos com que vamos interpretando e construindo a própria vida.

A lista de palavras candidatas a PALAVRA DO ANO® é produto do trabalho permanente de observação e acompanhamento da realidade da língua portuguesa, levado a cabo pela Porto Editora, através da análise de frequência e distribuição de uso das palavras e do relevo que elas alcançam, tanto nos meios de comunicação e redes sociais como no registo de consultas online e mobile dos dicionários da Porto Editora, tendo em consideração também as sugestões dos portugueses através do site www.palavradoano.pt.

Arquivo

2014

a palavra eleita foi

corrupção

Foram conhecidos ao longo deste ano vários casos de suspeita de corrupção, em diferentes setores da sociedade, envolvendo entidades e personalidades públicas.

Palavras candidatas

  • banco
  • basqueiro
  • cibervadiagem
  • corrupção
  • ébola
  • legionela
  • gamificação
  • jihadismo
  • selfie
  • xurdir